=‘•..•’= O Gato se esconde atrás de sua ferocidade para se proteger...mas se observarmos com o coração podemos decifrar sua real personalidade e perceber a doçura que se esconde profundamente em teu olhar =‘•..•’=...by VGitana Bastet

⇩Postagens

⇩Postagens

A exposição à fumaça do cigarro tem um impacto direto na saúde dos pets

Foto: Google

Pesquisas da Universidade de Glasgow disseram que a maioria dos donos de Pets não pensam sobre os efeitos desse hábito, mas deveriam.

“A exposição à fumaça do cigarro tem um impacto direto na saúde dos pets”, conta Claire Knottenbelt, professora de um centro de medicina e oncologia animal. Os sintomas incluem ganho de peso, dano celular e aumenta o risco de problemas respiratórios, cardíacos e até de câncer.

Nosso estudo vem mostrando que os gatos são os Pets que mais são prejudicados, até mais que os cachorros. Isso pode estar relacionado ao hábito de se lamber/dar banho que os gatos têm, o que aumenta a ingestão de agentes tóxicos presentes na fumaça”, finaliza a professora.

Outros estudos provam que gatos que vivem em casas com fumantes têm 3 vezes mais chance de desenvolver Linfoma maligno.

Segundo as pesquisas veterinárias realizadas na América do Norte, a fumaça tóxica do cigarro é responsável por grandes danos à saúde dos gatos.

De acordo com a veterinária Carolynn MacAllister, da Universidade Estadual de Oklahoma, no Estados Unidos, “fumar próximo aos gatos está diretamente associado com doenças como câncer de boca e até o linfoma.”
Gatos são prejudicados pelo cigarro quando eles se lambem

A principal razão para os felinos estarem suscetíveis ao câncer está intimamente ligado ao hábito dos animais se lamberem.

“Os gatos constantemente se lambem quando estão se higienizando. Esse hábito, quando associado ao convívio com o cigarro, pode ser prejudicial à saúde, uma vez que o câncer bucal se desenvolve em contato com as mucosa da boca do felino”, revela MacAllister. Ainda segundo a veterinária, essa seria a principal razão para o desenvolvimento das células cancerígenas nos gatos.

Um levantamento realizado pela Escola de Medicina Veterinária Tufts, nos Estados Unidos, revelou que o número de gatos que apresentava câncer na boca, também conhecido como carcinoma, era diretamente ligado ao ambiente em que esses gatos viviam. Os maiores índices de doenças eram encontrados nos felinos que conviviam com fumantes e eram expostos à fumaça tóxica em sua residência. Esses índices de doenças reduziram consideravelmente quando os gatos eram expostos ao cigarro apenas na rua.

Além do câncer na boca, gatos que convivem com o cigarro também correm o risco de desenvolver o linfoma felino. Isso porque o contato com a fumaça tóxica e a mucosa do animal podem comprometer os nódulos linfáticos de 3 a cada 4 gatos, aproximadamente no período de 12 meses.

Fonte : 
Escola de Medicina Veterinária Tufts
veterinária Carolynn MacAllister,
Universidade de Glasgow
Claire Knottenbelt,
Ana Elisa Erdmann

2017

2017