=‘•..•’= O Gato se esconde atrás de sua ferocidade para se proteger...mas se observarmos com o coração podemos decifrar sua real personalidade e perceber a doçura que se esconde profundamente em teu olhar =‘•..•’=...by VGitana Bastet

⇩Postagens

⇩Postagens

Carteira de Vacinação


Foto:Divulgação 

É, sem dúvida, o cuidado mais importante tanto para o filhote como para o gato adulto. Os animais devem ser imunizados antes terem contato com outros gatos adultos ou filhotes. Existem muitas doenças virais que podem acometê-los e são causadoras de um grande número de mortes, principalmente nos animais mais jovens.

Para ser vacinado, o animal deve estar saudável, sem febre ou diarréia, e previamente vermifugado.

Se isso não for observado, pode ocorrer falha vacinal, ou seja, o organismo não responder plenamente à vacinação.

As vacinas que seu gato deve receber e intervalos entre as doses devem ficar a critério do veterinário que irá cuidar de seu animal. As vacinas múltipla (tríplice, quádrupla ou quíntupla) e anti-rábica são obrigatórias em qualquer esquema de vacinação. Abaixo, um calendário para a vacinação de filhotes, com as vacinas existentes no mercado:

GATOS:
vacinas - múltipla (tríplice, quádrupla ou quíntupla) e anti-rábica
- 45 a 60 dias: 1a. dose vacina múltipla*
- 21 dias após a 1a. dose: 2a. dose vacina múltipla
- a partir de 4 meses de idade: anti-rábica
* (rinotraqueíte, calicivirose, panleucopenia e leucemia felina, clamidiose)

Gatos adultos que nunca foram vacinados ou filhotes que já passaram da época de vacinação devem receber 2 doses de vacina múltipla (intervalo de 21 dias entre elas) e 1 dose de vacina anti-rábica. Isso também vale para gatos de procedência desconhecida, quando não se tem conhecimento ou certeza sobre o histórico de vacinação. Nunca atrase a vacina anual de seu gato mais que um mês. Se acontecer isso, além da dose anual, pode ser que ele precise receber uma dose de reforço também. Não se deve vacinar filhotes com menos de 45 dias de idade, a menos que a gata nunca tenha sido vacinada, pois as vacinas podem ser inativadas pelos anticorpos passados da mãe para a cria.

REFORÇO ANUAL DE TODAS AS VACINAS!


Silvia C. Parisi
médica veterinária - (CRMV SP 5532

2017

2017