=‘•..•’= O Gato se esconde atrás de sua ferocidade para se proteger...mas se observarmos com o coração podemos decifrar sua real personalidade e perceber a doçura que se esconde profundamente em teu olhar =‘•..•’=...by VGitana Bastet

⇩Postagens

⇩Postagens

Ensinando o seu gato: adestramento



Sempre que se adota ou compra um animal, seja de raça ou não, a pessoa que o adota automaticamente se torna responsável por esse animal. O adestramento é parte dessa responsabilidade e melhora o relacionamento e a comunicação entre o proprietário e o animal, tornando-os mais próximos.

 Com o adestramento, o bichano aprende a não subir em mesas e balcões da cozinha, a não arranhar os móveis, não roubar alimentos, fazer as necessidades no local correto, não ser agressivo, etc. Também fazem parte do adestramento as orientações sobre como melhorar o ambiente para o gato, estimular brincadeiras, arranhadores e uso da caixa higiênica.

Adestrar um gato é como adestrar um cachorro? Como se dá o adestramento básico de um gato (local de fazer as necessidades, o que pode ou não fazer, etc)?

            Como você já deve ter percebido, adestrar um gato envolve métodos diferentes daqueles usados no adestramento de cães. O gato aprende muito cedo. Antes mesmo de um mês de idade já manifesta padrões de procurar areia para eliminação de excretas e de cavá-la para cobrir. Essa etapa é bem simples. Basta uma caixinha plástica com areia sanitária. Depois da primeira vez que fizer na caixinha, dificilmente vai errar depois. Se não tiver outros gatos na casa, experimente colocar seu bichinho de estimação na frente da caixa logo após a refeição.

Gatos podem ser adestrados em qualquer idade. No entanto, quanto mais jovens, mais fácil é para que se acostumem a ter que cortar as unhas, tomar banho, ser escovados, usar coleira e sair de casa. Mas, como foi dito, os gatos adultos e mesmo os idosos (ler: Envelhecimento dos gatos) também aprendem.

            A seguir, algumas dicas na tarefa do adestramento de gato.

            1- A primeira coisa a ensinar é fazer as necessidades na caixinha.
Leve-o até ela algumas vezes para que o bichano aprenda. Em se tratando de gato, aprende rápido. Conserve e caixinha sempre limpa ou o gato evitará visitar a caixinha.

            2- Ensine a palavra “não” ao seu gato, desde pequeno. O “não” deve ser usado sempre que ele fizer coisas erradas, como morder, subir em locais proibidos, arranhar móveis, etc. Os comandos são a linguagem que as pessoas usam para se comunicar com o bicho.


            3- Chame-o pelo nome e emita sons diferentes para que ele reconheça que é o dono quem o chama. Isso cria uma identidade com o animal. O tom de voz é muito importante. Gatos e cães não compreendem palavras. Até as reconhecem, mas de modo rudimentar. O importante mesmo é o tom de voz utilizado.


            Jamais agrida ou maltrate seu animal, muito menos para que obedeça aos comandos. Em primeiro lugar, agressão a animais é crime previsto em Lei. Em segundo, quando você o agride para que ele realize algum comando, você perde o respeito do animal e gatos podem reagir com arranhões e mordidas.

Fonte - Os Gatos.com.br



2017

2017