=‘•..•’= O Gato se esconde atrás de sua ferocidade para se proteger...mas se observarmos com o coração podemos decifrar sua real personalidade e perceber a doçura que se esconde profundamente em teu olhar =‘•..•’=...by VGitana Bastet

⇩Postagens

⇩Postagens

A origem do gato da raça SPHYNX



A raça Sphynx é composta por gatos sem pelo, que possuem uma beleza mais selvagem e ao mesmo tempo elegante.


Área de origem: Canadá

Cor: Disponível em todas as cores

Pelagem: sem pêlos e sem bigodes

Nível de Barulho: Inteligente, curioso e amigável

Personalidade: Pouco barulhento

A raça Sphynx é composta por gatos sem pelo, que possuem uma beleza mais selvagem e ao mesmo tempo elegante.

ORIGEM

O país de origem do gato Sphynx é o Canadá, mais precisamente em Toronto, onde seu surgimento foi registrado em 1966. Apesar do que se pensa, ele não é resultado de

modificações genéticas feitas pelo homem. Neste ano, uma gata deu a luz a uma ninhada de filhotes totalmente sem pelo, considerados nus. Quando deu a luz novamente a

outros filhotes, o fato se repetiu, e assim surgiu a nova raça de gatos. O gene que causa sua nudez é o chamado alopécia hereditária, um gene recessivo. Foram chamados

em um primeiro momento de "Moon's Cats" (Gatos da Lua), depois ganharam o nome de "Canadian naked" (canadense nu), e por último foi batizado com o nome que leva até

hoje, Sphynx. Chegou a ser reconhecido em 1970, porém um ano depois havia uma dificuldade na procriação, e a alteração genética foi considerada letal. Somente em 1975

criou-se o Sphynx da forma física como é conhecido hoje, quando um casal de agricultores encontrou um filhote sem pelo na ninhada que sua gata acabara de ter. Ele foi

cruzado com outro gato, gerando a nova raça. Eles foram estudados, e ganharam mais força quanto à sua saúde. Foram oficialmente reconhecidos em 1998 como uma raça.

CARACTERÍSTICAS

As características físicas do Sphynx podem assustar quando vistos pela primeira vez, pois são bem diferentes do que é considerado um padrão para felinos, tudo por

causa da pele nua e sem pelos. Seu corpo é fino, porém com uma ossatura forte, e músculos definidos. Sua cabeça é triangular como os gatos da espécies American

Shorthair, seu nariz é curto, e os olhos grandes e obliquios. As orelhas costumam ser bem grandes e afastadas. Nas características do gato Sphynx quanto à pele, consta

como enrugada, sem pelos e disponível em diversas cores, sem restrição.

TEMPERAMENTO

O temperamento do gato Sphynx é tido como sociável, afetuoso e calmo. Costumam ser muito ligados ao dono, mostrando inclusive um pouco de possessão, são inteligentes,

gostam de brincadeiras, e não costumam ser agressivos. Podem se mostrar um pouco desajeitados devido à falta de bigodes.

DOENÇAS

As principais doenças do gato Sphynx são relacionadas à sua pele sensível e a perda de calor corporal excessiva, além da hipertrofia do músculo cardíaco (HCM). Por

isso este é um gato que precisa de visitas constantes ao veterinário, e todos os produtos, inclusive vacinas, precisam ter indicação médica. Os sinais clínicos e

diagnósticos de doenças devem ser feitos apenas por um profissional. Os tratamentos preventivos consistem nas visitas periódicas ao médico veterinário e seguir à risca

os cuidados específicos da raça

PREÇO

O preço do gato Sphynx pode variar de acordo com sua linhagem, sexo, pedigree, entre outros. Os preços dos filhotes de gato Sphynx variam de R$ 800 a R$ 1,5 mil




CUIDADOS ESPECIAIS

Os cuidados especiais do Sphynx são diversos, principalmente por possuírem uma saúde um pouco mais frágil. Ao contrário do que se pensa devido à ausência de pelos, os

Sphynxes precisam de banhos semanais. Isso porque a oleosidade natural da pele não é absorvida, então ele precisa dos banhos para remover este óleo, que pode se tornar

fonte de acumulo de sujeiras e pó. Este gato precisa de um xampu adequado para seu tipo de pele, alguns Sphynxes possuem a pele seca, com certa descamação apesar da

oleosidade. Suas unhas também dever ser cuidadas, precisam estar sempre cortadas para que ele não se machuque ao coçar, e suas patas devem estar frequentemente limpas.

Sua pele é demasiadamente sensível, por isso precisa de muitos cuidados. Seus olhos e orelhas devem ser sempre limpos. Ele precisa de cuidados com relação ao sol, pois

queima-se facilmente, já no inverno a preocupação é com a perda de calor, uma tendência da raça. Sua alimentação também deve ser adequada.

Fonte: Portal Pets


2017

2017